Páginas

terça-feira, 7 de outubro de 2014

Curso gratuito em novembro pelo FNDE: "Competências básicas":

A Secretaria Municipal de Educação de Bom Jardim - SME-BJ convida a comunidade em geral para um curso do FNDE sobre "Competências Básicas". O curso é gratuito e será oferecido em novembro. 
As inscrições deverão ser feitas através do formulário que deve ser solicitado no e-mail  mdrsbj@gmail.com . Depois de preenchido, o formulário deve ser reenviado para o mesmo e-mail (mdrsbj@gmail.com) até o dia 26 de outubro de 2014.

APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA NACIONAL DE
FORMAÇÃO CONTINUADA À DISTÂNCIA NAS AÇÕES DO FNDE

O FormAção pela Escola é organizado em cursos modulares de 40h cada e compõe-se de: um curso de competências básicas, com a temática “FNDE e o apoio às políticas públicas para a educação básica”, pré-requisito para os outros oito cursos modulares (PDDE, PTE, PLi, Pnae, Fundeb, Prestação de Contas, Controle Social e SIOPE), que são escolhidos conforme o interesse e a necessidade do cursista ou do grupo de cursistas. Cada curso de 40 horas é realizado em duas fases: fase presencial, com oito horas, e fase a distância, com 32 horas, num período mínimo de 30 dias e máximo de 45. Os encontros presenciais seguem o cronograma definido pela Tutoria, desde que a conclusão do curso não exceda o prazo de 60 dias.

Será oferecido em Bom Jardim, em novembro, o curso inicial “Competências Básicas”.

Poderão participar profissionais de educação da rede pública de ensino, técnicos, gestores públicos estaduais, municipais e escolares,membros do comitê local do PAR - Plano de Ações Articuladas e dos conselhos de controle social da educação (Conselho Municipal de Educação–CMM; Conselho Escolar–CE; Conselho de Alimentação Escolar–CAE; Conselho de Acompanhamento e Controle Social–CACS do Fundeb) que atuam no segmento da educação básica e qualquer cidadão que tenha interesse em conhecer as ações e os programas do FNDE.

O cursista receberá certificado de conclusão do curso.

As inscrições deverão ser feitas através do formulário que deve ser solicitado, preenchido e reenviado para o e-mail mdrsbj@gmail.com até o dia 26 de outubro de 2014.


PARTICIPE!!!

Ferramenta de mediação de conflitos é apresentada na escola Antônio Gomes

Na manhã de 07 de outubro de 2014, a Escola Municipal Antônio  Gomes de Azevedo (situada no Bairro de Fátima, em São José do Ribeirão) recebeu equipe da Secretaria Municipal de Educação-SME que apresentou aos professores uma ferramenta de mediação de conflitos.

Momento da dinâmica em que valores expressos por palavras e objetos pessoais
representando cada participante são colocados no centro do grupo.
Foto: Inês Raquel.
Participantes dos trabalhos posando para fotografia. Foto: Inês Raquel.
As gestoras Érica e Thereza Marta presenteando
a psicóloga Inês Raquel. Cada participante recebeu
um presente. Foto: Inês Raquel.
Parte integrante das comemorações ao mês do professor, e atendendo pedido da direção da escola, foi oportunizado aos professores o contato com os "processos circulares", ferramenta de mediação de conflitos que preconiza o estreitamento  dos vínculos entre pessoas de um grupo de convívio. Essa ferramenta foca o diálogo, comunicação verbal não violenta. A atividade foi conduzida pela psicopedagoga da SME, Inês Raquel Z. Guzzo.

O trabalho, realizado em dia não letivo em virtude da realização do conselho de classe, foi precedido de café da manhã, servido às 7h30min. Por volta das 8h se iniciaram os trabalhos, que foram finalizados em torno das 10h. Encerrando os trabalhos do dia foi servido almoço aos professores, direção e equipe técnica da SME.


O que são os processos circulares

Nossos ancestrais se reuniam em roda à volta do fogo ou com a família em torno da mesa da cozinha. Nos dias de hoje não tem sido tarefa fácil construir espaços de empatia e respeito para resolver conflitos e chegar a consensos. A metodologia dos processos circulares remonta à antiga tradição dos nativos americanos que usavam um bastão da fala para estruturar seus diálogos, e recebe o aporte dos conceitos contemporâneos de democracia, liderança e responsabilidade partilhadas. O círculo de construção de paz, quando implementado por profissionais treinados, é um processo que permite plena expressão das emoções numa atmosfera de respeito. Ele promove a escuta qualificada e o empoderamento de todos os participantes.

Os processos circulares vêm sendo usados no sistema judicial e, nesse contexto, o círculo envolve todas as partes afetadas a fim de participarem na decisão de como corrigir a situação depois de um crime. O processo identifica os danos e necessidades de todas as partes, determinando como tais necessidades serão atendidas. Nas escolas é aplicado para criar um ambiente positivo em sala de aula e resolver problemas de comportamento. Nos locais de trabalho oferece metodologia eficaz para lidar com conflitos e chegar a consensos, no serviço social, para desenvolver sistemas de apoio mais orgânicos, capazes de efetivamente ajudar pessoas que lutam por encontrar um sentido para suas vidas.

Logo se percebeu que esses círculos podiam ser úteis também para prevenir animosidades, visto que aumentam o senso de interligação e humanidade partilhada. Ao utilizar o círculo como ferramenta para criar um senso comunitário em qualquer grupo, diminui-se a probabilidade de mal-entendidos que e podem escalar, levando a conflitos ou delitos. Além disso, os processos circulares promovem restabelecimento e criam possibilidade de romper ciclos viciosos, nos quais vítimas se tornam perpetradores.

terça-feira, 30 de setembro de 2014

Encontro Pedagógico com o professor Hamilton Werneck





Professores do Ensino Fundamental da Rede Municipal de Ensino participam novamente de importante Encontro Pedagógico com o Professor Hamilton Werneck

Na sexta-feira, dia 19 de setembro, os professores de 1º ao 9º Ano do Ensino Fundamental estiveram reunidos na Escola Municipalizada César Monteiro, no alto de São José, quando participaram de um Encontro Pedagógico com o Professor Hamilton Werneck, sendo conduzidos pelo palestrante a uma profunda reflexão a respeito do Conselho de Classe: reunião realizada a cada término de bimestre para análise do rendimento escolar de cada aluno.

A participação dos docentes foi intensa. Juntamente com a Equipe Pedagógica e de Supervisão Escolar da SME, os mesmos desenvolveram discussões em grupo a respeito do assunto, apresentando importantes conclusões quanto às práticas de planejamento e realização de tão importante reunião.

A Secretaria Municipal de Educação fez uma avaliação muito positiva deste momento de Formação Continuada através do qual objetiva auxiliar seu corpo docente no sentido de que o resultado do qualificado processo ensino-aprendizagem desenvolvido nas Unidades Escolares Municipais, diariamente, possa ser observado concretamente no rendimento apresentado por cada aluno de sua rede de ensino.

Fotos: Juliana Tostes e Márcia Mululo.


Veja a cobertura fotográfica completa na página do 
Facebook da SME clicando aqui.

Escola Joana Cantanheda realizou Festa da Família

A Escola Municipalizada Joana Cantanheda Monnerat, sob a direção da professora Fátima Regina Domingos, realizou a "Festa da Família".


O evento aconteceu no dia 25 de setembro e mobilizou  suas três turmas de Educação Infantil.

Veja a seguir algumas imagens do registro fotográfico feito pela própria escola:






Veja mais fotos da Festa na página do Facebook da SME. Clique aqui.

terça-feira, 23 de setembro de 2014

Reunião intersetorial reuniu secretarias municipais

Com o intuito de promover uma melhor integração de ações e assim otimizar os trabalhos junto às crianças atendidas pelos órgãos municipais, foi agendada uma reunião com funcionários das secretarias de Educação, de Saúde e de Promoção Social

Foto: Juliana Tostes.
Sem a presença de representante da Secretaria de Saúde, o encontro aconteceu na terça-feira (09/09/2014), na Casa da Cultura Mário Machado Nicoliello.

Comissão da SME é destaque no jornal

Comissão Julgadora, no âmbito municipal, da Olimpíada de Língua Portuguesa, conforme publicado aqui no blog da SME, foi destaque na edição 690 (19/09/2014) do Jornal Mais Bom Jardim.

Veja cópia da matéria na figura ao lado. Para vê-la aumentada, clique na imagem.

terça-feira, 16 de setembro de 2014

Gestores das escolas municipais se encontram na SME

Na manhã de hoje (16/09/2014) aconteceu na Secretaria Municipal de Educação-SME uma reunião entre a secretária de Educação, professora Micheline Pinto de Almeida, e as gestoras das escolas da rede municipal de ensino.

Os encontros entre os gestores e profissionais das diversas áreas ligadas à Educação (merenda escolar, transporte de alunos, material didático, etc) acontecem com frequência. Já os encontros com a secretária de Educação são mais abrangentes, resolvendo as possíveis pendências resultantes dessas reuniões e enfocando temáticas de gestão escolar.

Este especificamente abordou temas já tratados em reuniões anteriores, "aparando arestas", conforme destacou Micheline, e aprofundando estudos sobre aspectos pedagógicos. Dentre esses últimos destacou-se a análise feita sobre o resultado do IDEB divulgado recentemente e sobre a adequação dos alunos às turmas que frequenta, avaliando se está sendo reduzida a distorção faixa etária/etapa do ensino.

A análise dos dados do censo escolar serviu de base para confrontar realidades e programar metas e possíveis soluções para os problemas identificados.

Temas ligados à gestão das escolas também foram aprofundados, enriquecendo o debate e priorizando a qualidade do ensino na Rede Municipal.

Veja a seguir algumas fotografias do evento feitas por Juliana Tostes.




Veja mais fotografias desse evento na página do Facebook da SME-BJ clicando aqui